semtelhas @ 11:31

Sab, 23/03/13

 

Que andou na cabeça de João Moutinho durante o jogo com Israel, o medo de sentir dor, e que ao contrário do que disse (coisas de bom rapaz), obviamente o impediu de dar o seu melhor.

  

Mas houveram outros miúdinhos a pairar noutras cabeças e com o mesmo efeito. Na de Paulo Bento acho que já por lá assentou arraiais desde que é treinador, e que lhe repete incessantemente ao ouvido a necessidade de implementar uma disciplina férrea, a qual, se num clube deu o que deu, na seleção é só vê-los a mandá-lo dar ir uma volta baixinho. Na de Ronaldo o bicho é mais para o intermitente, diria mesmo que há uma luta entre um bicho bom que o manda dar sempre o litro como ele gosta, e o bicho mau que lhe sussurra ao ouvido para se poupar para o patrão, e que acaba por resultar sempre num jogador confuso, nervoso, mal na sua pele. O Patrício devia ter o cuidado de manter o miúdo desligado porque, tal como no Sporting, volta e meia ele lá aparece para complicar. Na defesa, de ponta a ponta, sendo todos eles mais ou menos para o brutinho, pô-los a pensar, só por si, já constitui um esforço apreciável, se ainda por cima os confundem com mensagens tipo, cuidado que para a semana temos um jogo importante, então dá em miúdos completamente à toa. Quanto ao Meireles e ao Veloso aquilo é mais uma guerra de penteados, um, tipo último moicano já pré-ocupado em assustar o inimigo só de o verem, o outro dá a impressão de estar sempre com a sua enfeitada cabeça noutro lado, provávelmente num catálogo sobre últimas novidades capilares. Ao Martins o miudinho diz-lhe sempre a mesma coisa, manda os gajos à merda, e, se te chatearem muito, vai-lhes à tromba. Já o do Postiga é mais, deixa lá Hélder, quem dá o que pode.... Ao Hugo o miúdo não pára de o atazanar constantemente com a pergunta, o que estás aqui a fazer? Os miúdinhos de Varela e Vieirinha, como de costume, estavam a dormir.

 

Ou então isto é tudo mentira e a rapaziada está mas é à espera que definam os prémios monetários a atribuir. É que o miúdinho precisa de motivação porque essa coisa do patriotismo já era.

 

Este vídeo dá a resposta.

 

 


direto ao assunto:

"O medo de ser livre provoca o orgulho de ser escravo."
procurar
 
comentários recentes
Pedro Proença como presidente da Liga de Clubes er...
Este mercado de transferências de futebol tem sido...
O Benfica está mesmo confiante! Ou isso ou o campe...
Goste-se ou não, Pinto da Costa é um nome que fica...
A relação entre Florentino Perez e Ronaldo já deve...
tmn - meo - PT"Os pôdres do Zé Zeinal"https://6haz...
A azia de Blatter deve ser mais que muita, ninguém...
experiências
2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


mais sobre mim